Exército da Argélia liberta cerca de 650 reféns

A operação de resgate do Exército da Argélia libertou cerca de 650 reféns, dentre eles cerca de 70 estrangeiros, que haviam sido capturados por militantes islamitas na usina de gás de In Amenas na quarta-feira, informaram meios de comunicação locais.

AE, Agência Estado

18 de janeiro de 2013 | 12h36

"Cerca de 650 reféns, capturados durante o ataque realizado na quarta-feira, por um grupo terrorista no complexo de gás em In Amenas, dentre eles 573 argelinos e mais da metade dos 132 reféns estrangeiros, foram libertados", segundo a agência de notícias argelina APS. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Argéliareféns

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.