Exército de Israel acredita que outra operação em Gaza pode ser necessária

Em um comparecimento perante os membros da Comissão de Exteriores e Segurança do Parlamento, Dan Halutz, chefe do exército israelense, afirmou acreditar que em breve será necessária outra operação militar em grande escala na Faixa de Gaza.No discurso, Halutz falou sobre a recente guerra do Líbano e a situação em Gaza, afirmando que, "dada a atividade das organizações terroristas na região, o Exército deverá atuar ali de forma exaustiva".Segundo Halutz, que lembrou que o Governo ainda não aprovou nenhuma ofensiva, as milícias palestinas tentam adquirir equipamentos modernos, em particular mísseis antitanque.Questionado pelos deputados, o militar não especificou uma data para uma nova ofensiva na Faixa de Gaza. Desde 25 de junho, após o seqüestro de um soldado israelense, grandes contingentes entraram na região.Sobre a recente Guerra do Líbano, pela qual é amplamente criticado, Halutz disse que a guerrilha Hezbollah "respeita o cessar-fogo" e que espera que todos os soldados israelenses que ainda estão em território libanês retornem a Israel até sexta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.