Exército de Israel descobre 93 palestinos escondidos em caminhão

Soldados do exército de Israel interceptaram nesta segunda-feira um caminhão nas imediações da Cisjordânia, no qual 93 palestinos estavam escondidos supostamente com o intuito de entrar ilegalmente em Israel para trabalhar.A imprensa israelense informou que o caminhão estava em uma estrada que atravessa o território da Cisjordânia, perto da passagem de Oranit. Soldados israelenses de um corpo de artilharia suspeitaram do motorista do veículo.O veículo foi seguido pelos militares, que descobriram dezenas de palestinos dentro do caminhão.O motorista, um árabe-israelense, foi detido pelas autoridades e interrogado pelos serviços secretos. Os trabalhadores palestinos também foram colocados sob custódia dos serviços de segurança israelenses.De acordo com estimativas, dezenas de milhares de palestinos trabalham atualmente em Israel sem as autorizações correspondentes.O número de operários palestinos continua sendo alto, apesar da construção do muro de separação na Cisjordânia e das advertências dos organismos de segurança de que as redes que introduzem trabalhadores ilegalmente também infiltram terroristas suicidas no território israelense.O novo ministro da Defesa de Israel, o trabalhista Amir Peretz, autorizou no domingo a entrada de 13 mil trabalhadores palestinos em Israel.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.