Exército do Sri Lanka diz que 70 rebeldes foram mortos

O Exército do Sri Lanka informou neste domingo que seus soldados mataram pelo menos 70 rebeldes do grupo Tigres de Libertação da Pátria Tâmil que tentavam fugir da encolhida zona de guerra. O porta-voz do Exército, Udaya Nanayakkara, disse que os insurgentes tentaram escapar das tropas que haviam cercado o último território rebelde remanescente. Ele afirmou que os soldados impediram a fuga e mataram um grande número de insurgentes. Segundo ele, 70 corpos haviam sido contados até então.

Agencia Estado

17 de maio de 2009 | 00h51

A batalha ocorreu um dia após o governo declarar vitória na guerra civil que já dura um quarto de século. No entanto, os líderes da insurgência permanecem em liberdade, e ferozes batalhas continuam.

Tudo o que sabemos sobre:
SRI LANKAMORTESREBELDES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.