Exército do Sudão mata líder de grupo rebelde de Darfur

O Exército do Sudão informou que suas forças mataram Khalil Ibrahim, líder do principal grupo rebelde de Darfur, em um ataque a oeste da capital Cartum. Ibrahim liderava o Movimento de Justiça e Igualdade, ou JEM, que não entrou em um acordo de paz com o governo.

AE - AP, Agência Estado

25 de dezembro de 2011 | 09h57

O comunicado do Exército, divulgado pela agência de notícias oficial Suna, diz que Ibrahim foi morto hoje em Wad Banda, cidade que fica 700 quilômetros a oeste da capital. Segundo o comunicado, Ibrahim foi morto "com um grupo de sua liderança".

Ontem, o Exército disse que rebeldes de Darfur atacaram três regiões de Kordufan do Norte, matando vários civis. A Organização das Nações Unidas (ONU) diz que 300 mil pessoas morreram na guerra do governo em Darfur desde 2003.

Tudo o que sabemos sobre:
Sudãorebeldesmorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.