Exército francês retoma bombardeios a rebeldes

O Exército francês voltou ontem a atacar posições ocupadas por rebeldes islamistas em Gao, no Mali. A cidade é um dos maiores focos de resistência dos insurgentes à intervenção da França, iniciada há um mês. A ofensiva francesa destruiu a principal sede da polícia malinesa na cidade. O prédio havia se tornado um refúgio para os extremistas do Movimento pela Unidade e Jihad na África Ocidental. O porta-voz do grupo, Abu Walid Sahraui, afirmou ontem que os jihadistas "estão em Gao e lá permanecerão".

O Estado de S.Paulo

12 de fevereiro de 2013 | 02h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.