Exército mata 15 rebeldes curdas na Turquia

As forças de segurança da Turquia mataram 15 mulheres rebeldes curdas em um combate no sudeste do país, informaram nesta sábado autoridades, no que se acredita ter sido o maior combate em um dia envolvendo mulheres desde que o grupo guerrilheiro começou a lutar em busca de autonomia há quase 28 anos.

AE, Agência Estado

24 de março de 2012 | 18h34

O conflito ocorreu na principal província rural Bitlis dominada pelos curdos. Além da morte de mulheres também foi morto um guarda da vila pago pelo governo que ajudava as forças turca. Outros três ficaram feridos, informou o governo. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Turquiamorterebeldes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.