Exército mata pelo menos 22 rebeldes no Sri Lanka

Pelo menos 22 guerrilheiros dos Tigrespara a Libertação da Pátria Tâmil (LTTE)foram mortos durante um combate com forças do governo cingalês no leste do Sri Lanka, informouum porta-voz militar. O confronto foi no distrito de Batticaloa, no leste do país. Cinco soldados do Exército cingalês ficaram feridos. O comandante Berty Perera disse que durante a batalha houve intensa troca de tiros de artilharia leve e de morteiros. O combate aconteceu às vésperas da abertura das conversações de paz entre representantes do governo e do LTTE, intermediadas pela Noruega. O enviado de Oslo, Jon Hanssen-Bauer, espera que as duas partes aceitem iniciar conversações de paz em Genebra, no fim do mês. Só em setembro, 114 civis morreram e 29 desapareceram devido ao conflito na ilha, enquanto 52 pessoas foram seqüestradas ou detidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.