Explosão atinge protesto de advogados no Paquistão

Atentado em manifestação que teria participação de juiz destituído deixa sete mortos

Associated Press,

17 Julho 2007 | 13h21

Uma forte explosão atingiu uma manifestação de advogados na capital do Paquistão nesta terça-feira, 17, deixando pelo menos sete mortos, informou a polícia. O atentado ocorreu momentos antes de um pronunciamento do ex-presidente da Suprema Corte paquistanesa, destituído há alguns meses pelo presidente Perez Musharraf. O magistrado Iftikhar Mohammed Chaudhry estava a caminho do protesto no momento da explosão, disse o chefe da polícia, Mohammed Riaz. Ainda segundo Riaz, várias pessoas ficaram feridas Ainda não está claro o que causou a explosão. O Paquistão vive uma onda de violência desde que forças do governo invadiram a Mesquita Vermelha de Islamabad, depois que radicais islâmicos se entrincheiraram no local. A ação resultou na morte de mais de 100 pessoas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.