Explosão de bomba fere três pessoas na Turquia

Uma bomba explodiu na frente de um hospital na cidade portuária turca de Mersin, neste domingo, ferindo três pessoas, segundo policiais locais. A bomba foi posicionada perto de uma bicicleta do lado de fora do Hospital Estatal de Mersin, quebrando janelas de carros que estavam próximos ao local, segundo informações da agência de notícias Dogan.Suleyman Ekizer, chefe da polícia de Mersin, afirmou à agência de notícias Anatólia que testemunhas viram um homem que passava de bicicleta deixar a bomba no local.Três pessoas ficaram feridas por estilhaços de vidro e atendidas no departamento de emergência local. A televisão turca mostrou pedaços de vidro, madeira e metal espalhados pela rua.Ekizer afirmou que a polícia estava investigando qual o tipo de bomba usada. "A explosão que ocorreu perto do hospital que recebe o maior número de pacientes da cidade, mostra mais uma vez a crueldade do terrorismo", apontou o chefe da polícia.A polícia isolou a área com medo de que uma segunda bomba pudesse explodir. As autoridades locais ainda não sabem quem está por trás do atentado, que aconteceu no primeiro dia do novo acordo de cessar-fogo declarado pelos rebeldes curdos, no sábado.O Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) declarou um cessar-fogo com a esperança de "iniciar um processo democrático para solucionar o problema curdo".A declaração foi feita depois de vários atos de violência que mataram dezenas de soldados e policiais nas últimas semanas. Militantes que podem estar ligados aos rebeldes também explodiram bombas em resorts turísticos, matando três e ferindo dezenas de pessoas.Título alterado às 15 horas para correção de informação

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.