Explosão de bomba mata oito soldados no Afeganistão

No último de uma série de ataques perpetrados por supostos militantes do Taleban, oito soldados afegãos morreram nesta sexta-feira quando seu veículo foi destruído por uma bomba acionada por controle remoto. Os soldados estavam patrulhando a violenta província de Khost, onde supostos fugitivos militantes do Taleban vêm promovendo uma série de ataques contra soldados afegãos e forças da coalizão liderada pelos EUA, disse o funcionário da segurança afegã, Rehman Karim. Os soldados mortos faziam parte de uma unidade especial que atua ao lado das forças da coalizão na patrulha das regiões fronteiriças com o Paquistão, disse Karim. As autoridades afegãs vêm advertindo que membros do banido Taleban estão lançando ataques a partir das regiões tribais do oeste do Paquistão, que não se submetem ao governo central paquistanês. O Paquistão deslocou milhares de soldados para suas regiões fronteiriças, mas admite ser impossível vigiar totalmente sua porosa fronteira com o Afeganistão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.