Explosão de bomba na Irlanda do Norte deixa três crianças feridas

Segundo parlamentar, explosão foi provavelmente planejada pelo IRA para atingir a polícia

AE-AP, Agência Estado

14 de agosto de 2010 | 20h18

Três crianças ficaram levemente feridas na explosão de uma bomba na Irlanda do Norte neste sábado, 14, segundo a polícia e um parlamentar.

 

A bomba, que aparentemente tinha como alvo policiais e serviços de emergência, explodiu perto de uma escola em Lurgan, Co. Armagh, cerca de 35 quilômetros a oeste de Belfast, ferindo duas crianças de 12 anos e uma de dois.

No momento da explosão, a polícia estava evacuando casas na região, após relatos de que havia um aparato suspeito no local.

A parlamentar Dolores Kelly, do Partido Social Democrata e Trabalhista, disse que a explosão foi provavelmente planejada por dissidentes do Exército Republicano Irlandês (IRA, na sigla em inglês), e tinha como alvo a polícia.

No começo deste mês, dissidentes do IRA colocaram um carro-bomba falso em frente a uma delegacia de polícia. Num incidente separado, um carro-bomba explodiu em frente a uma delegacia na segunda maior cidade da Irlanda do Norte, Londonderry, sem deixar feridos.

Na semana passada, um major do exército britânico encontrou uma armadilha de mina debaixo de seu carro.

Dissidentes do IRA vêm realizando uma série de ataques com bombas recentemente, mas raramente têm obtido sucesso em matar ou ferir seus alvos. Os ataques são uma tentativa de prejudicar a coalizão católico-protestante. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Irlandaexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.