Explosão de caminhões-tanque mata 32 no Afeganistão

Dois caminhões-tanque explodiram neste domingo num movimentado bazar no oeste do Afeganistão, matando pelo menos 32 pessoas e ferindo outras 40. Autoridades afirmaram que tratou-se de um acidente. A explosão ocorreu em Azizabad, uma cidade da província de Herat, 580 km a oeste da capital, Cabul.O porta-voz do governo da província, Ghulam Mohammad Masoum, disse que um dos caminhões estava passando por reparos quando ocorreu uma explosão. "Outra caminhão-tanque estava estacionado perto, e também explodiu", disse Ghulam.As explosões incendiaram um posto de gasolina próximo, destruíram lojas e carros. Corpos carbonizados estavam espalhados pela rua, acrescentou.Também neste domingo, militares dos EUA anunciaram ter matado quatro militantes que haviam atacado um comboio nas proximidades de Gardez, na província de Paktia, 100 km ao sul de Cabul. Dois soldados americanos ficaram feridos no ataque, segundo a porta-voz militar tenente-coronel Michele DeWerth.Mas o chefe da polícia da província de Paktia, Haygul Salemankhel, disse que na verdade os mortos eram policiais que foram confundidos pelos americanos com rebeldes.Ele explicou que o comboio se aproximou de uma barreira rodoviária durante a noite e o movimento dos policiais fez com que eles fossem tomados por militantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.