Explosão de carro-bomba deixa 11 mortos no Iêmen

Um funcionário de segurança do Iêmen disse que um carro explodiu próximo a um posto de checagem militar no centro do país, matando 11 soldados.

AE, Agência Estado

28 de janeiro de 2013 | 15h25

O funcionário afirmou que a explosão ocorreu na cidade de Radda, a cerca de 100 milhas ao sul da capitaL Sanaa, onde acredita-se ser um novo reduto da Al-Qaeda. O funcionário disse que um homem-bomba estava dentro o carro e o estilo do ataque foi semelhante ao utilizado pela Al-Qaeda.

O funcionário falou sob condição de anonimato porque não estava autorizado a falar com jornalistas.

Durante a revolta do Iêmen de 2011, a Al-Qaeda ocupou grandes extensões de terra e cidades

no sul antes de serem expulsas para áreas montanhosas.

Washington considera a Al-Qaeda no Iêmen o braço mais perigoso do grupo terrorista. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Iêmenviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.