Explosão de carro-bomba mata dois e fere 34 na Colômbia

A detonação de um carro-bomba próximo no povoado de Tame, no Nordeste da Colômbia, deixou pelo menos dois mortos e 34 feridos nesta terça-feira. As vítimas fatais são um menino de oito anos e um adulto jovem. As autoridades locais responsabilizaram o ELN (Exército de Libertação Nacional) e as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) pelo atentado. O carro-bomba, que estaria carregado com 50 kg de explosivos, foi estacionado em frente ao maior supermercado da região entre 17h e 18h (hora local) - horário de maior movimento no comércio -, onde explodiu. Três feridos em estado grave foram traslados a Bogotá em uma aeronave da Força Aérea Colombiana. Outros três foram levados para Saravena, cidade próxima a Tame. Segundo as autoridades, o ataque tinha como objetivo atingir civis, pois não há nenhuma instalação militar ou do governo no local da explosão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.