Explosão de carro-bomba mata uma pessoa na Colômbia

A explosão de um carro-bomba perto de Bogotá, neste sábado, matou uma pessoa e deixou um policial ferido, segundo informação das autoridades locais. O atentado foi supostamente praticado por guerrilheiros das Farc.A bomba explodiu em Caqueza, a 20 quilômetros ao sul de Bogotá, segundo informou o coronel Luiz Eduardo Gerrera à estação de rádio Radionet. Membros das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) operam nesta área.Um funcionário do Instituto Nacional de Rodovias, Wilfer Parrado, que investigava o carro deixado no acostamento, morreu na explosão.Ontem, um carro-bomba, em outro atentado supostamente praticado pelos mesmos guerrilheiros, explodiu no município de Saravena, que pertence ao Departamento de Arauca, matando cinco pessoas - três adultos e duas crianças. O conflito entre rebeldes, milícias paramilitares de extrema-direita e o governo mata aproximadamente 3,5 mil pessoas por ano na Colômbia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.