Mark Humphrey/AP
Mark Humphrey/AP

Explosão de carro deixa feridos e atinge prédios nos EUA; polícia fala em ato 'deliberado'

Carro estava estacionado no centro de Nashville, no Tennessee; três pessoas foram levadas com ferimentos leves ao hospital

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de dezembro de 2020 | 14h07
Atualizado 25 de dezembro de 2020 | 16h14

WASHINGTON - Uma forte explosão sacudiu o centro de Nashville, Tennessee, na manhã desta sexta-feira, 25, em um ato ao que parece "deliberado", segundo a polícia da cidade do sul dos Estados Unidos. Três pessoas ficaram levemente feridas e foram levadas para um hospital, segundo o Corpo de Bombeiros.

A explosão aconteceu às 6h30 locais (9h30 no horário de Brasília) da manhã de Natal e provocou danos nas fachadas de pelo menos 20 edifícios. Árvores foram arrancadas e pelo menos dois carros foram incendiados, um deles onde estava o artefato, segundo a polícia.

A detonação foi sentida a vários quilômetros de distância. "Parece um ato deliberado", afirmou a polícia em sua conta no Twitter.A explosão aconteceu perto da AT&T Tower, um edifício emblemático da capital da música country, chamado de "Batman Tower" por sua forma. O bairro foi isolado pela polícia.

O FBI começou a investigar o incidente e trabalha com as autoridades locais. “O procurador-geral interino, Jeff Rosen, foi informado sobre o incidente esta manhã e ordenou que todos os recursos do Departamento de Justiça fossem disponibilizados para auxiliar na investigação”, informou um comunicado do governo federal. 

O prefeito de Nashville, John Cooper, disse em uma entrevista coletiva que a área do centro parecia ter sido atingida por uma bomba.

“Não venha para o centro de Nashville. A área será isolada”, disse Cooper, acrescentando que se a explosão tivesse ocorrido em uma manhã de um dia de semana, o resultado poderia ter sido muito diferente.

“Não é uma área muito populosa, mas a maioria das pessoas nos prédios adjacentes está bem e foi evacuada”, disse.

Imagens postadas no Twitter mostravam  ruas cheias de destroços e fumaça, incluindo vidros quebrados e árvores derrubadas. 

O governador do Tennsessee, Bill Lee, disse pelo Twitter que o Estado fornecerá todos os recursos necessários para determinar o que aconteceu e quem foi o responsável. Ele disse que estava “orando pelos feridos” e agradeceu aos trabalhadores da emergência.

“O presidente Trump foi informado sobre a explosão em Nashville, Tennessee, e continuará a receber atualizações regulares”, disse Judd Deere, secretário-adjunto de imprensa. / NYT e  AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.