Explosão deixa 1 morto e 14 feridos em Caracas

Centenas de milhares de venezuelanosparticiparam de uma passeata em Caracas hoje para manifestar sualealdade ao presidente Hugo Chávez e protestar contra a greve de53 dias que tenta derrubá-lo. Uma explosão perto de uma estação de metrô localizada a umaquadra da passeata matou uma pessoa e feriu outras 14, disse ochefe dos bomboiros Rodolfo Briceno. A causa da explosão nãofoi imediatamente conhecida. Ônibus de todo o país, decorados com faixas vermelhas ebandeiras venezuelanas, se dirigiram para a capital para mostrarapoio a Chávez. Briceno calculou que havia mais de 300 milmanifestantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.