Explosão deixa 50 mortos no Congo

Nesta segunda-feira, a lava que escorreu de uma erupção vulcânica provocou a explosão de um posto de gasolina, matando cerca de 50 pessoa, na cidade de Goma, no Congo. Uma bola de fogo surgiu no céu por volta das 8h30 de hoje (4h30, pelo horário de Brasília) e deixou uma nuvem de fumaça preta sobre a cidade. De acordo com uma testemunha, Chiza Barabara, duas mulheres e duas crianças ficaram gravemente feridas e foram levadas para um hospital local. Depois do acidente, outros tanques explodiram, mas Barabara disse não ter notícias de mais mortos ou feridos. O posto de gasolina estava localizado perto de um dos rios de lava que surgiram após as erupções vulcânicas. A lava, entretanto, havia esfriado o suficiente para que as pessoas pudessem caminhar sobre ela. De acordo com Barabara, aqueles que morreram estavam tentando roubar a gasolina do posto.

Agencia Estado,

21 Janeiro 2002 | 06h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.