Explosão deixou 17 feridos em universidade na Espanha

Pelo menos 17 pessoas ficaram levemente feridas na explosão de um carro-bomba na manhã de hoje em um estacionamento da Universidade de Navarra no norte da Espanha, informou o jornal El País. A explosão causou vários danos em veículos próximos, segundo Amaya Zaratiegui, porta-voz da Clínica Universitária. "Foi uma explosão muito potente, muito poderosa", disse porta-voz. A Rádio Nacional da Espanha informou que, aparentemente, a explosão estava programada para ocorrer em um momento de grande movimento no campus.As autoridades espanholas ainda não atribuíram o ataque a nenhum grupo, mas a suspeita recai sobre o ETA. Um dos comandos desse grupo separatista basco foi desarticulado nesta semana. A polícia deteve anteontem três homens em Pamplona e uma mulher em Valência, acusados de pertencer a comandos do ETA.Em 24 de maio de 2002, o ETA realizou outro atentado na Universidade de Navarra. Um carro-bomba com 20 quilos de explosivos foi pelos ares, no mesmo lugar, em frente ao edifício central do campus. Houve vários danos, porém ninguém ficou ferido com gravidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.