Explosão em centro espacial indiano deixa seis mortos

Uma explosão deu origem a um incêndio nesta segunda-feira no principal centro de pesquisas espaciais da Índia, causando a morte de pelo menos seis pessoas, informou a polícia local. O fogo começou no setor de pesquisas de combustíveis sólidos do Centro Espacial de Dhawan, na ilha de Sriharikota, costa sudeste da Índia, disse K. Ravindran, porta-voz da instituição, em entrevista à The Associated Press.Seis pessoas morreram no incêndio, disseram fontes policiais do distrito de Nellore, no Estado indiano de Andhra Pradesh. Ravindran não confirmou as mortes. Outras três pessoas ficaram feridas, disseram equipes de resgate.Não se sabe ao certo o que deu início ao fogo. As chamas foram contidas depois de algumas horas. A ilha onde ocorreu o incidente situa-se a aproximadamente cem quilômetros da costa de Madras, a maior cidade da região. Madhavan Nair, diretor do programa espacial indiano, ordenou a abertura de um inquérito para apurar as causas da explosão que, segundo ele, deixou "entre quatro e seis mortos".De acordo com Nair, os projetos atuais do programa espacial indiano não foram imediatamente afetados. "Estamos tentando determinar a extensão dos danos." O centro espacial abriga a maior base de lançamento do programa indiano, servindo também para o envio de satélites alemães, belgas, coreanos e locais ao espaço sideral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.