Explosão em duto de gás deixa pelo menos 50 feridos no Irã

Esta é a segunda explosão em menos de um mês que paralisa a provisão de gás à Turquia

Efe

11 de setembro de 2010 | 04h28

Pelo menos 50 pessoas ficaram feridas na noite da sexta-feira, 10, pela explosão de um gasoduto na região de Mazdavand, nordeste do Irã, onde uma escavadeira acidentalmente atingiu um duto de gás entre as refinarias de Khangiran e Mashhad, informou neste sábado, 11, a imprensa local.

 

O diretor-geral de Irã Gas Engineering and Development Company, Alireza Gharibi, citado pela agência local Irna, indicou que a explosão aconteceu a 90 quilômetros de Mashhad, onde 16 pessoas ficaram feridas e foram transferidas a um hospital, sem houvesse mais danos consideráveis.

 

No entanto, a agência Mehr assinalou que dois trabalhadores tinham morrido na explosão, segundo o site da PressTV, que acrescenta que a Irna citava informações não confirmadas de que poderia haver até sete mortos.

 

Esta é a segunda explosão em menos de um mês que paralisa a provisão de gás à Turquia, depois que em agosto uma bomba, cuja colocação foi atribuída pelas autoridades ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), interrompeu a atividade do gasoduto nas proximidades da fronteira turca com o Irã.

Tudo o que sabemos sobre:
IrãTurquiagásexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.