Explosão em fábrica de fogos de artifício mata 15 na China

Seis pessoas ficaram feridas no acidente fábrica Xinxin da localidade de Sijiazi, na Mongólia Interior

Efe,

31 de agosto de 2008 | 05h35

Quinze pessoas morreram e seis ficaram feridas pela explosão de uma fábrica de fogos de artifício na região autônoma da Mongólia Interior, no norte da China, informou neste domingo, 31, a imprensa estatal.   A explosão aconteceu na fábrica Xinxin da localidade de Sijiazi, detalhou um porta-voz do birô de segurança do trabalho regional. Um funcionário da segurança regional disse que a explõsão também destruiu cerca de 50 escritórios, informou Xinhua.   Segundo as investigações preliminares, o acidente ocorreu quando trabalhadores pesavam e misturavam os componentes dos fogos de artifício.   Os acidente em fábricas na China são comuns e milhares de pessoas morrem por ano, em parte por não obedecer as leis de segurança. A fábricas de fogos de artifício, muitas ilegais, são especialmente inseguras.   Matéria ampliada às 13h02

Tudo o que sabemos sobre:
Chinafogos de artifícioexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.