Explosão em fábrica de fogos de artifício mata seis na China

Seis mortos, um desaparecido e oito feridos, um deles em estado grave, é o resultado de uma explosão ocorrida numa fábrica de fogos de artifício da província de Shanxi, centro da China, segundo noticiou hoje a imprensa local. A explosão destruiu na sexta-feira seis das sete fábricas da empresa "Foguetes de Taigu", no condado do mesmo nome. Após o incidente, do qual se desconhecem as causas, o diretor da fábrica, Wang Shuping, fugiu para local desconhecido ao mesmo tempo que as autoridades congelavam as suas contas bancárias. O governo local ordenou também que outras fábricas de fogos de artifício suspendessem a produção para permitir uma fiscalização sobre as condições de segurança. O setor de fogos, juntamente com o de mineração, registra um dos mais altos índices de acidentes de trabalho na China devido à falta de medidas de segurança nas fábricas e à escassa formação de muitos dos seus trabalhadores.

Agencia Estado,

18 Agosto 2002 | 12h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.