David Klein via Reuters
David Klein via Reuters

Explosão em loja mata três em Israel

Motivo ainda é desconhecido, mas autoridades de Tel Aviv acreditam em possível vazamento de gás

O Estado de S.Paulo

28 Novembro 2017 | 06h46

JERUSALÉM - Pelo menos três pessoas morreram e outras quatro ficaram feridas após uma explosão que abalou o bairro misto árabe-judeu de Yafo, no sul de Tel Aviv (Israel), nesta terça-feira, 28, fato que já está sendo investigado, informou a polícia local.

+++ Justiça de Israel ordena que Uber pare serviços no país

Os serviços de emergência, incluindo os bombeiros e o Exército, continuam seus trabalhos na rua Yefet, onde por volta da meia-noite (hora local) teve início o incêndio em uma oficina de pintura, causando a queda do edifício após uma grande explosão.

A porta-voz da polícia, Luba Samri, confirmou em comunicado que os corpos sem vida foram encontrados sob os escombros, depois que os bombeiros conseguiram controlar as chamas. O motivo do acidente ainda é desconhecido, mas as autoridades acreditam na possibilidade de escapamento de gás.

+++ Netanyahu será interrogado pela polícia em investigação por corrupção

"A explosão foi numa loja de pinturas num edifício que desmoronou totalmente", informou Avi Yehuda, do Corpo de Bombeiros, à Rádio Israel. / EFE

Mais conteúdo sobre:
Tel-Aviv [Israel] Israel [Ásia]

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.