Zhang Zhong/AP
Zhang Zhong/AP

Explosão em mina de carvão na China mata ao menos 19 pessoas

Resgate é perigoso por causa das altas temperaturas no subsolo e falta de ventilação

AE, Agência Estado

30 de agosto de 2012 | 10h26

PEQUIM - Equipes de resgate procuram nesta quinta-feira, 30, por 28 mineiros que ficaram presos em uma mina de carvão após explosão que matou ao menos 19 pessoas. A polícia prendeu os donos da mina após o acidente ocorrido na noite de quarta-feira, na província de Sichuan, sudoeste da China. 154 trabalhadores estavam no local e 107 sobreviventes já foram retirados.

Foram encontrados os corpos de 16 mineiros que morreram de intoxicação por monóxido de carbono, afirmou a emissora estatal Central China Television. Outros três morreram no hospital, reportou a TV.

A Administração Estatal de Segurança no Trabalho afirmou que o resgate é perigoso por causa das altas temperaturas no subsolo, falta de ventilação, alta concentração de monóxido de carbono e túneis estreitos.

As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaminaexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.