Explosão em mina deixa 18 mortos na China

Uma explosão no armazém de uma mina de carvão no centro da China matou 18 pessoas na sexta-feira à tarde. O armazém continha dinamite e detonadores. A explosão foi tão violenta que destruiu completamente o prédio de três andares na província de Hunan. Segundo as autoridades locais, os explosivos podem ter sido comprados e estocados ilegalmente.

AE-AP, Agencia Estado

18 de abril de 2009 | 12h03

A televisão estatal CCTV informou que o armazém já está sob controle da polícia e as autoridades procuram pelos proprietários do local. Há anos o governo chinês tem prometido melhorar a segurança nas minas, mas essa indústria no país continua sendo a que mais mata no mundo. Uma explosão em uma mina de carvão em Tunlan, no norte da China, deixou 77 mortos em fevereiro, o pior acidente do tipo em um ano. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.