Explosão em mina no Cazaquistão mata pelo menos 43 pessoas

Pelo menos 43 mineiros morreram nesta quarta-feira emuma explosão provocada por gás metano seguida de um incêndio em umamina de carvão no Cazaquistão, informou o Ministério de EmergênciasCazaque. O acidente aconteceu na mina "Lenin", na região de Karaganda, nocentro do Cazaquistão, disse um porta-voz do ministério à agênciarussa "Interfax". "Os corpos de 18 pessoas foram recuperados. Outras 25 pessoasestão debaixo da terra, mas temos certeza que estão mortos",Assegurou. A explosão de metano aconteceu por volta das 1h30 (em Brasília)em uma galeria situada a mais de 500 metros de profundidade. Segundo o responsável de Emergências e Segurança Industrial paraa região de Karaganda, Stanislav Sytnik, 324 mineiros conseguiramsair da mina. A mina pertence à empresa Mittal Steel Termitau, filial deMittal-Arcelor Steel Company, a maior produtora mundial de aço. Em 24 de novembro de 2002, um acidente similar ao desta quarta-feira causoua morte de 13 trabalhadores da mina "Lenin", que começou a funcionarem 1964 com uma capacidade de extração de 3,2 milhões de toneladasde carvão ao ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.