Explosão em ônibus deixa 10 mortos ao norte de Israel

Pelo menos 10 pessoas morreram e outras 20 ficaram feridas na manhã desta quarta-feira em um atentado suicida contra um ônibus, próximo a Haifa, ao norte de Israel, informaram médicos do hospital Rambam, para onde foram levados os feridos. Além do ônibus, que fazia o percurso entre Jerusalém e Haifa, vários carros ao redor também foram danificados. O movimento fundamentalista islâmico Hamas fez um comunicado através da emissora de TV do Catar, Al-Jazira, assumindo a autoria do atentado praticado por um palestino suicida. Em 31 de março, em um outro atentado praticado pelo Hamas em Haifa, 16 pessoas morreram. O atentado acontece dois dias antes da chegada do secretário de Estado norte-americano, Colin Powell, a Israel. Logo após o incidente, um membro do Conselho israelense afirmou que o atentado é de responsabilidade do presidente palestino, Yasser Arafat.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.