Explosão em prisão nos EUA mata 2 e deixa 100 feridos

Uma explosão matou dois detentos e feriu mais de cem pessoas em uma prisão no Estado da Flórida. Parte da estrutura da penitenciária desmoronou parcialmente com o impacto da explosão, de acordo com um porta-voz do distrito.

AE, Agência Estado

01 Maio 2014 | 13h53

Na manhã desta quinta-feira, havia pedaços de vidro e de tijolos espalhados pelo terreno. A parte da frente da prisão tinha várias rachaduras e parecia curvada para fora da estrutura. Autoridades fecharam estradas que levam ao local.

A explosão, aparentemente de gás, aconteceu na noite de ontem e o número de feridos pode chegar a 150, entre presos e funcionários da Escambia County Jail, de acordo com Kathleen Castro, gerente de informação pública do distrito.

Cerca de 600 presidiários estavam no local na hora da explosão, disse Castro. Os feridos foram levados para hospitais próximos e os que saíram ilesos, transferidos para outras prisões.

A cidade de Pensacola, onde fica a penitenciária, foi atingida por chuva intensa, que causou vários alagamentos na quarta-feira. Segundo Castro, a prisão foi afetada, mas ainda não se sabe se há ligação entre a explosão e as inundações causadas pelo mau tempo.

Equipes de busca vasculharam o local várias vezes e não encontraram nenhuma outra vítima. Os feridos foram levadas para quatro hospitais da região. Na manhã de quinta-feira, vários já haviam sido liberados. Os nomes dos mortos não foram divulgados. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
euaexplosãoprisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.