Explosão em restaurante mata pelo menos 5 pessoas em Bagdá

Uma explosão de grandes proporções,aparentemente provocada por um carro-bomba, destruiu hoje um restaurante no centro de Bagdá e matou pelo menos cincopessoas que participavam de uma festa de réveillon, informou ochefe de polícia da cidade, general Ahmed Kadhem. Mais de 25pessoas ficaram feridas, incluindo pelo menos três estrangeiros, possivelmente europeus. Diante do estabelecimento em chamas, viam-sevários carros destroçados e uma enorme cratera. O restaurante Nabil, popular entre estrangeiros, havia anunciado durante a semana umacelebração do ano-novo com música ao vivo e dançarinas doventre. Logodepois da explosão - ouvida em vários pontos de Bagdá -escutaram-se disparos enquanto soldados americanos e ambulânciascorriam para a área. Helicópteros dos EUA sobrevoaram o local. As tropas americanas e a polícia iraquiana haviam reforçado asegurança hoje na capital, temendo atentados durante acelebração do ano-novo. O governo americano responsabilizapartidários do ex-presidente Saddam Hussein e militantesislâmicos vindos do exterior pelos atentados suicidas e ataquescontra as forças de ocupação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.