Explosão mata dez perto de mesquita em Bagdá

A explosão de um carro-bomba perto de uma mesquita xiita nesta sexta-feira deixou pelo menos dez mortos e 38 feridos na área de Al Shaab, nordeste de Bagdá, segundo fontes policiais. O comandante da polícia da capital, Ahmed Abdalah, disse que o veículo explodiu quando os fiéis saíam do templo de Al Sherufi, após terem participado da oração da tarde. Abdalah acrescentou que os feridos foram levados para dois hospitais da capital iraquiana, mas não deu mais detalhes sobre o estado das vítimas. Este incidente acontece dentro da onda de violência sectária que começou no país em 22 de fevereiro, após um atentado contra um importante santuário xiita de Samarra, ao norte de Bagdá. Soldados mortos Um caminhão do Exército americano capotou na província de Anbar, no oeste de Bagdá, deixando cinco marines mortos, um ferido, e três desaparecidos. O Exército disse que "estava usando todos os recursos disponíveis" para encontrar os homens desaparecidos, dois marines e um marinheiro, após o acidente, que aconteceu no domingo perto da base aérea Asad. A capotagem do caminhão de sete toneladas parece ter sido um acidente e não foi "resultado de ação inimiga", informou o Exército.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.