Explosão mata pelo menos duas pessoas em Bangladesh

Uma bomba explodiu durante a celebração do aniversário da morte de um santo muçulmano em Sylhet, no nordeste de Bangladesh, matando pelo menos duas pessoas e ferindo outras 35, informou a polícia local.A explosão ocorreu no santuário de Hazrat Shahjalal, construído há cerca de 700 anos, em um momento no qual milhares de fiéis estavam reunidos para cantar versos do Corão, o livro sagrado do islamismo, disse um policial sob condição de anonimato.Equipes de resgate recuperaram os corpos de uma criança e de um homem no local da explosão, onde havia uma cratera de 30 centímentos no chão, disseram investigadores.De acordo com fontes hospitalares, pelo menos 24 pessoas ficaram gravemente feridas e continuam internadas. Outras 11 receberam os primeiros-socorros por lesões de menor gravidade."Fomos surpreendidos por aquele som ensurdecedor", disse Abdul Awal, uma testemunha da explosão. "Muitos que estavam entre nós entraram em pânico e começaram a correr."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.