Explosão na capital da Noruega mata 2 e fere quinze

Segundo funcionário do governo, ainda há pessoas presas em edifícios atingidos pela explosão

estadão.com.br,

22 de julho de 2011 | 10h47

Atualizada às 14h15

 

Imagem de TV local mostra cenário após a explosão; dois morreram e 15 ficaram feridos

 

OSLO - Pelo menos duas pessoas morreram em uma "forte" explosão ocorrida na tarde (horário local) desta sexta-feira, 22, na capital da Noruega, Oslo, segundo a rede local NRK. O chefe da polícia local confirmou a segunda morte, disse a NRK. A polícia disse que a explosão foi causada por uma bomba.

 

Veja também:

linkTiroteio em acampamento deixa 'vários feridos' perto de Oslo

linkBrasileiro em Oslo: 'Havia muitas pessoas chorando nas ruas'

linkHá um ano, 3 foram presos em Oslo por laços com Al-Qaeda

mais imagens As primeiras imagens do local da explosão (NRK)

video VÍDEO: Imagens revelam destroços da explosão

video YOUTUBE: Vídeo do local da explosão

 

De acordo com o funcionário do governo Hans Kristian Amundsen, há ainda pessoas presas nos edifícios atingidos pela explosão. Amudsen se recusou a dar detalhes a respeito mas disse que essa é a "pior situação" que o país já viu.

 

O estrondo provocou danos a edifícios do governo. Segundo a AP, escritórios no local foram evacuados. A NRK disse que há também pelo menos quinze feridos, mas testemunhas falam em "várias" vítimas. Há informações ainda não confirmadas sobre uma segunda explosão.

 

A CNN informou que o edifício do escritório do primeiro-ministro Jens Stoltenberg foi atingido na explosão. Segundo a agência de notícias norueguesa NTB, o premiê está em segurança. A porta-voz do governo Camilla Ryste confirmou a informação à AP.

 

A Reuters disse que a maioria das janelas do prédio de 17 andares foi rompida na explosão. Uma testemunha ouvida pela AP relatou que estava em um ponto de ônibus a cerca de 100 metros quando uma explosão quebrou "quase todas as janelas" de um edifício por volta de 15h30 (horário local, 10h30 no horário de Brasília).

 

"Vi três ou quatro pessoas feridas sendo carregadas para fora do edifício", disse Ole Tommy Pedersen, a testemunha, segundo a AP.

 

Edifícios próximos, como o do Ministério do Petróleo, também foram atingidos, segundo a Reuters, que disse que este ministério estava "em chamas". De acordo com a AP, prédios de jornais locais, como o do tabloide VG, o maior do país, também foram atingidos pela explosão.

 

 

Otan e Al-Qaeda

 

A causa da explosão ainda é incerta, mas a Reuters disse que havia destroços de um carro fora de um dos edifícios atingidos. Segundo a agência, a polícia local não está fazendo comentários sobre a causa da explosão. A Noruega é integrante da Aliança do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

 

Há cerca de um ano, três pessoas suspeitas de pertencerem à Al-Qaeda foram presas na Noruega. Eles estariam planejando ataques terroristas na capital.

Segundo a imprensa local, a explosão pôde ser vista e ouvida à distância

 

Aguarde mais informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.