Explosão perto de ponto de ônibus fere 30 pessoas na Índia

Pelo menos 30 pessoas,incluindo 10 crianças, ficaram feridas na Caxemira nasexta-feira, quando supostos militantes separatistas atiraramuma granada perto de um ponto de ônibus lotado, disse apolícia. Nenhum grupo assumiu ainda a responsabilidade pelo ataque,que tinha como alvo a patrulha de segurança da cidade deBanihal, a capital tropical da Caxemira. "Entre os feridos, há funcionários da segurança e criançasque iam à escola", disse uma autoridade policial. Na quinta-feira, um morador foi morto e seu filho ficouseriamente ferido quando uma bomba explodiu em uma área vizinhaà região de Awantipora. O ataque acontece às vésperas das negociações entre a Índiae o Paquistão, na semana que vem. Autoridades dizem que a violência envolvendo as tropasindianas e os militantes separatistas diminuiu na Caxemiradesde que os dois países, que já travaram um conflito pelaregião, começaram um lento processo de paz em 2004. Mas nenhum progresso significativo foi alcançado em relaçãoà Caxemira, que tem maioria muçulmana. (Reportagem de Sheikh Mushtaq)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.