Explosões atingem Nepal horas após final de cessar-fogo

Diversas explosões foram ouvidas em três cidades nepalesas, poucas horas depois de rebeldes maoístas terem anunciado o fim de um cessar-fogo unilateral, informaram policiais e um funcionário do governo. Não há informações sobre vítimas.Uma explosão danificou um edifício governamental na cidade de Bhairahawa, cerca de 280 quilômetros a sudoeste de Katmandu. Outra explosão atingiu a câmara municipal de uma cidade nas proximidades de Butwal, disse Gangadutta Awasti, o administrador regional. Segundo ele, a polícia local está investigando as explosões.Mais duas explosões atingiram uma delegacia em Pokhara, um destino turístico situado 200 quilômetros a oeste da capital nepalesa, disse um oficial de polícia sob condição de anonimato. Nenhum grupo assumiu a autoria das explosões, mas elas ocorreram apenas algumas horas depois de rebeldes maoístas nepaleses terem anunciado o fim de um cessar-fogo unilateral.Os rebeldes, que se dizem inspirados no líder revolucionário chinês Mao Tsé-tung, pegaram em armas em 1996, com o objetivo de derrubar a monarquia e estabelecer um regime socialista. A insurgência resultou na morte de aproximadamente 12.000 pessoas desde então. Em setembro, os rebeldes declararam uma trégua unilateral de três meses, que foi prolongada por mais 30 dias para oferecer uma chance de paz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.