Explosões deixam três mortos no sul da Rússia

Uma série de explosões sacudiu nesta segunda-feira a capital de uma república russa nos arredores da conturbada região do Cáucaso, deixando pelos menos três mortos e mais de dez feridos, informaram autoridades locais. As explosões ocorreram perto de duas lanchonetes e de uma parada de ônibus em Krasnodar, a cerca de 1.200 quilômetros ao sul de Moscou, disse Vitaly Tushev, representante local do Ministério de Situações Emergenciais da Rússia. Tushev comentou que o tipo de explosivo e os possíveis motivos por trás das explosões ainda estão sendo investigados e que a polícia local continua em alerta. Alexander Lemeshev, outro funcionário do Ministério de Situações Emergenciais da Rússia, revelou que uma vítima morreu na hora e outras duas perderam a vida depois de terem sido socorridas e levadas a um hospital. De acordo com ele, outros 12 pessoas ficaram feridas.Como outras autoridades locais, Lemeshev acredita que os atentados façam parte de uma disputa entre dois grupos rivais da região. Entretanto, os investigadores preferem não excluir por enquanto a possibilidade de ação extremista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.