Explosões e incêndio em subestação elétrica em Madri

Houve explosões e um grande incêndio numa subestação elétrica na região central de Madri. Enquanto os bombeiros começavam a combater o incêndio, a polícia retirava as pessoas dos prédios e das ruas próximas. Densos rolos de fumaça preta cobriram o local. Logo após a explosão, faltou energia elétrica no local e nos bairros próximos, mas minutos depois o fornecimento foi normalizado em quase toda a cidade ? menos na região mais próxima da subestação, uma área com vários pontos de concentração de turistas, como museus, restaurantes e a estação de trens Atocha. Não houve feridos. A causa da explosão e do fogo não foi identificada imediatamente pelas autoridades. ?Primeiro as luzes se apagaram?, contou o fotógrafo Franciso Rubio, de 47 anos, que estava no Paseo del Prado, uma larga alameda. ?Aí eu vi as chamas, e depois ouvi uma explosão. Cerca de dez minutos mais tarde houve outra explosão. Elas foram muito fortes.?Um operário que estava trabalhando na instalação de geradores na subestação de Union Fenosa ? pertencente a uma empresa privada ? disse que os geradores explodiram no momento em que foram ligados. ?Havia três geradores no piso térro?, disse Manuel Escalera à Associated Press. Ele estava no porão quando ouviu três explosões. ?Se estivéssemos no prédio, teríamos morrido na hora.?Perto da subestação elétrica existe uma estação de companhia de gás; os bombeiros cuidavam para que o fogo não se espalhasse na direção desse local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.