Explosões matam 3 pessoas em bairro de maioria xiita em Bagdá

Outras 12 pessoas ficaram feridas no atentado, ocorrido numa estação de ônibus em Yakuk

Efe,

21 de abril de 2012 | 06h33

BAGDÁ - Pelo menos três pessoas morreram e 12 ficaram feridas neste sábado, 21, em decorrência da explosão de duas bombas no bairro de Yakuk, uma área de maioria xiita localizada no norte de Bagdá, informaram fontes policiais.

 

A polícia afirma que dois artefatos explodiram de forma consecutiva em uma estação de ônibus em Yakuk, que fica na região de Kademiya. O atentado causou muitos danos materiais e levou as forças de segurança a cercarem a área pelo temor de outras ações similares. Esse ataque acontece dois dias depois de uma série de atentados reivindicados pela organização terrorista Al Qaeda terem causado a morte de 42 pessoas em diferentes partes do país.

 

O grupo radical Estado Islâmico do Iraque, vinculado à Al Qaeda, explicou em comunicado que esses atos são a resposta às "campanhas de detenção, repressão e bloqueio contra os sunitas, sobretudo na zona de Bagdá".

Tudo o que sabemos sobre:
Al QaedaIraqueterrorismoxiita

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.