Explosões simultâneas matam 9 e ferem 75 durante festividades do ano-novo

MIANMAR

, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2010 | 00h00

Três bombas explodiram ontem durante as tradicionais festividades de ano-novo de Rangum, a maior cidade de Mianmar, deixando 9 mortos e 75 feridos. Os ataques ocorreram quase simultaneamente, por volta das 15 horas locais, no distrito de Mingalartaungnyunt. Até a noite de ontem, autoridades birmanesas ainda não tinham indícios de quem foram os autores. Nesta época do ano, Mianmar festeja por quatro dias o Festival da Água, que marca o início do ano no país e na vizinha Tailândia.

Recentemente, ocorreram em Rangum atentados similares, cuja autoria não foi reivindicada por nenhum grupo. Em geral, a junta militar que governa Mianmar os atribui a organizações clandestinas da dissidência ou às guerrilhas étnicas.

O regime militar prepara-se para realizar as eleições legislativas no final do ano. Mas a oposição denuncia possíveis fraudes e um clima de repressão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.