Exposição mostra fotos inéditas de Hiroshima após bombardeio atômico

Imagens, antes consideradas documentos sigilisos, foram feitas por autoridades americanas em 1945.

BBC Brasil, BBC

09 de julho de 2011 | 20h09

Uma exposição em Nova York está exibindo ao público imagens inéditas da cidade de Hiroshima logo após o bombardeio atômico de 1945.

As fotos, antes consideradas documentos sigilosos, foram feitas por autoridades americanas que visitaram a cidade japonesa no mesmo ano do bombardeio e mostram uma cidade devastada e transformada em escombros.

Para a curadora-assistente da exposição, Erin Barnett, uma das imagens mais impressionantes é a que mostra uma escola com apenas uma de suas paredes ainda de pé.

"É de partir o coração que só tenha sobrado uma parede e que as pessoas (ali) claramente tenham falecido", disse.

Ao menos 80 mil pessoas morreram no dia do bombardeio. Muitas outras morreram nos meses seguintes.

A exposição Hiroshima - Marco Zero - 1945 está em cartaz no International Center of Photography e reúne mais de 60 fotos da tragédia.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
culturahiroshimahiroshima ground zero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.