Extraditado ladrão mais procurado do Japão

O montenegrino Rifat Hadziahmetovic, membro de uma organização criminosa internacional acusada de roubar mais de US$ 180 milhões em mais de 120 assaltos em todo o mundo, foi extraditado para o Japão por autoridades espanholas. Integrante do grupo criminoso conhecido como Pantera Cor-de-Rosa, Hadziahmetovic invadiu uma joalheria em Tóquio e roubou uma peça avaliada em US$ 2,5 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.