Extremistas matam 12 civis em vilas cristãs na Nigéria

Testemunhas disseram que extremistas islâmicos mataram ao menos 12 civis em ataques no final de semana em duas vilãs cristãs ao noroeste da Nigéria, região dominada por muçulmanos. Um dos ataques teve como alvo uma festa de casamento.

AE, Agência Estado

30 de dezembro de 2013 | 16h40

De acordo com as testemunhas, oito vítimas morreram quando extremistas atacaram uma festa de casamento na vila de Tashan-Alede, no estado de Borno, no final da noite de sábado, e quatro outros civis foram mortos na vila vizinha de Kwajffa no domingo. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Nigériaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.