Fã de Stuart Mill, Orwell e Kafka

PERFIL - Anders Behring Breivik, atirador norueguês

, O Estado de S.Paulo

24 de julho de 2011 | 00h00

Anders Behring Breivik, responsável pela maior tragédia da história da Noruega, é descrito pelos vizinhos como um sujeito de hábitos estranhos, flagrado várias vezes vestindo uniformes militares. Vivia no região oeste de Oslo, na mesma área em que moram vários políticos noruegueses. Em 2009, ele abriu uma empresa que cultivava verduras e frutas. A polícia investiga se, por meio da firma, ele teria acesso a produtos químicos para fabricar explosivos. O pouco que os policiais sabem, graças ao interrogatório e à invasão de seu apartamento em Oslo, é que o atirador tinha simpatia por ideias de extrema direita e anti-islâmicas. Breivik tinha uma conta no Twitter com apenas uma mensagem, postada no dia 17, em que faz uma paráfrase, em inglês, do filósofo britânico John Stuart Mill: "Uma pessoa com uma crença é igual a 100 mil que só têm interesses". Em seu perfil no Facebook, ele diz que seus livros preferidos são 1984, de George Orwell, e O Processo, de Franz Kafka. Segundo um amigo, Breivik se voltou ao extremismo de direita há cerca de dois anos. Ele ainda participaria de fóruns virtuais defendendo opiniões nacionalistas. De acordo com a imprensa local, ele não tinha treinamento militar e nem ficha criminal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.