Facção rival lidera sobre Maliki pela 1ª vez no Iraque

Com 79% dos votos da eleição parlamentar iraquiana apurados, a coligação secular Iraqiya aparece pouco à frente da governista na contagem geral de votos, segundo novos números divulgados ontem pela Comissão Eleitoral. É a primeira vez durante a contagem que a Iraqiya supera a facção Estado de Direito, do primeiro-ministro Nuri al-Maliki, no cômputo geral de votos, somando 9.000 sufrágios a mais. No entanto, a coalizão governista continuava liderando em mais províncias em comparação com seus rivais.

AE-AP, Agencia Estado

17 de março de 2010 | 09h15

Segundo uma contagem parcial de todas as 18 províncias do Iraque, a coalizão de Maliki lidera em sete. O Iraqiya, do ex-primeiro-ministro Ayad Allawi, está em vantagem em cinco. Já a Aliança Nacional Xiita Iraquiana e a principal coalizão curda lideram, cada uma, em três províncias, de acordo com o último boletim. Ainda não há definição sobre a distribuição das cadeiras no Parlamento, que definirá quem chefiará o próximo governo no Iraque.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.