Faisal Mahmood/Reuters
Faisal Mahmood/Reuters

Família Bin Laden voa para a Arábia Saudita

Três viúvas e 11 filhos do terrorista foram retirados da casa que os abrigava em Islamabad

O Estado de S.Paulo

27 de abril de 2012 | 03h08

Islamabad - A família de Osama bin Laden foi deportada na madrugada desta sexta-feira, 27, do Paquistão, onde o líder da Al-Qaeda foi morto pelos EUA há quase um ano, para a Arábia Saudita.

Veja também:

linkPaquistão deporta viúvas e filhos de Bin Laden

linkVice-presidente usa morte de Bin Laden em campanha americana

As três viúvas - acusadas de entrar e permanecer ilegalmente no território paquistanês - e os 11 filhos do terrorista foram retirados da casa que os abrigava em Islamabad, pouco após a meia-noite em uma minivan.

As mulheres só concordaram em entrar no veículo, que estava cercado por jornalistas, após suas janelas serem cobertas por plásticos. No aeroporto, a família embarcaria num voo fretado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.