Família de jornalista da Guatemala foge para os EUA

A mulher e os três filhos do jornalista guatemalteco Jose Ruben Zamora fugiram para os Estados Unidos. Há oito dias, uma dezena de homens armados invadiu a casa da família, espancou dois dos jovens e ameaçou executar mais atos de violência se Zamora não parasse de publicar reportagens denunciando corrupção no governo. O jornalista, a mulher e os filhos - com idades de 26, 17 e 13 anos - foram escoltados ao aeroporto pelo ombudsman federal de direitos humanos Sergio Morales, ativistas e diplomatas. Zamora disse que o presidente Alfonso Portillo havia lhe oferecido condolências e pedido que mantivesse a família no país. O jornalista acrescentou que seus familiares não acreditavam ter outra escolha além de partir. O presidente Portillo emitiu declaração criticando a procuradoria federal por sua ?falta de interesse? em descobrir os responsáveis pela agressão.

Agencia Estado,

02 Julho 2003 | 20h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.