Farc retomam diálogo de paz em Havana

As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e o governo de Bogotá retomaram ontem negociações de paz em Havana. Em entrevista à agência de notícias cubana Prensa Latina, o negociador-chefe dos insurgentes, Iván Márquez, repetiu o pedido para que o guerrilheiro Simón Trinidad, que cumpre uma sentença de 60 anos de prisão nos EUA, participe das negociações. "Simón é como uma bandeira de paz ao vento. Na mesa, temos certeza de que ele ajudará com sua sabedoria."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.