Farc seqüestram ex-governador

Rebeldes armados seqüestraram no sul do país o ex-governador do departamento (Estado) de Meta, Alan Jara, após forçá-lo a sair do veículo das Nações Unidas (ONU) em que se encontrava, informou nesta segunda-feira a polícia colombiana.O comandante da polícia local, coronel Jorge Calderón, acusou as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) de responsáveis pelo rapto, ocorrido no domingo em Lejanías, 120 quilômetros ao sul da capital, Bogotá. Ao ser seqüestrado, Jara, em companhia de funcionários da ONU, regressava de uma cerimônia de inauguração de uma ponte dedicada aos esforços de paz locais. Um comunicado emitido pelas Nações Unidas nesta segunda-feira em Nova York diz que "o veículo da ONU estava claramente identificado com placas diplomáticas ao ser retido por indivíduos armados que se identificaram como membros da FARC".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.