Fãs fazem fila em despedida de Mercedes Sosa

Milhares de fãs, artistas e autoridades foram até o Congresso da Argentina em Buenos Aires, na madrugada desta segunda-feira, para se despedir da cantora Mercedes Sosa. O jornal "La Nación" informou, em seu site, que a cantora será velada até as 11h, quando será levada ao cemitério Chacarita, onde será cremada em uma cerimônia íntima.

AE, Agencia Estado

05 de outubro de 2009 | 10h35

Mercedes morreu ontem aos 74 anos, em um hospital da capital, com problemas respiratórios, cardíacos e hepáticos. Entre os ilustres que passaram para se despedir da artista estavam o ex-jogador Diego Maradona, atual técnico da seleção argentina, a presidente Cristina Kirchner e seu marido, o ex-presidente Néstor Kirchner. Outros milhares de anônimos também compareceram e fizeram fila para o adeus.

O "Clarín" destacou a presença não só de argentinos, mas também de brasileiros, equatorianos, venezuelanos e chilenos na despedida no Congresso. Também foram cantadas várias músicas que se popularizaram na voz da cantora nascida em Tucumán, conhecida como "A voz da América Latina", entre elas a canção Gracias a la vida, da chilena Violeta Parra, um dos maiores sucessos de Mercedes.

Tudo o que sabemos sobre:
Mercedes Sosamorteenterrovelório

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.